Categoria: Postura do Professor

Silvia Ferraresi e Ana Elisa Machado falam de inclusão e do direito de brincar

Silvia Ferraresi Ana Elisa ChavesPara a fisioterapeuta Silvia Ferraresi e a fonoaudióloga Ana Elisa Machado toda a criança tem o direito de brincar! Elas conversaram com o Tempo de Creche sobre inclusão e Tecnologia Assistiva, que é a utilização de recursos – simples ou sofisticados – para melhorar as funções das pessoas com deficiência.

TEMPO DE CRECHE – O que precisa nortear a atuação de um professor preocupado com a inclusão?

Um professor preocupado com a inclusão precisa ter empatia e comprometimento com a criança. Ele precisa conhecer a dificuldade que a criança tem, para poder pensar em maneiras de contornar essa dificuldade e proporcionar o aprendizado. Ele precisa saber que cada aluno é diferente e aprende de formas diferentes, mas que isso não impossibilita que a turma seja um grupo. O professor precisa ser o mediador entre a criança deficiente e as outras crianças da sala, até que a criança deficiente seja incluída socialmente no grupo. O professor não precisa, necessariamente, saber detalhes de uma determinada patologia, mas deve estar aberto para conhecer algo novo, flexível para modificar suas estratégias de ensino quando necessário e disponível para utilizar meios alternativos de comunicação, tecnologia assistiva e técnicas de manuseio. Continue lendo..

Postado em Brincar e Aprender, Palavra de... especialista, Postura do Professor | Tags , , , , , | Clique para deixar um comentário!

Socorro: minha turma é difícil!

Frato Creche não é um cabideiroNossas crianças são brincantes, alegres, energéticas, corporais, cheias de iniciativas e exploradoras do mundo que as cerca! Mas, às vezes olhamos para a nossa turma e pensamos: acho que fomos sorteados! Que turma difícil!

Enxergamos uma reunião de diversos perfis: o hiperativo, com o endiabrado, com o líder, com a esperta, com o agressivo, tudo num filme que poderia se chamar “Os Sem-limite”!

Você já se sentiu assim?

Com essa reunião de personalidades marcantes, o dia a dia fica denso, cansativo, imprevisível e dá uma sensação de que não conseguimos produzir nada com a turma. Continue lendo..

Postado em Desenvolvimento Infantil, Postura do Professor | Tags , , | 11 Comentários

Planejamento, Registro e Reflexão organizados em duas práticas tabelas!

 

IMAGEM REGISTRAR REFLETIR PLANEJAR

Balão Dúvida pComo pensar do planejamento sem ter que “tirar um coelho da cartola
Como registrar o que se vive durante as propostas?
Como pensar sobre o que ocorreu para encaminhar novos planejamentos?
O que não pode ser esquecido nesse percurso?
Como simplificar estas importantes tarefas da prática pedagógica?

Tempo de Creche organizou os conteúdos que têm sido apresentados e discutidos em diversos posts em práticas tabelas. Que tal experimentar essa organização e até modificá-la para ficarem com seu jeito? Continue lendo..

Postado em Postura do Professor | Tags , , , | 5 Comentários

Aguçando os sentidos e construindo saberes

A museóloga e educadora de museus, consultora de Acessibilidade em Ação Educativa Inclusiva, Amanda Fonseca Tojal, valoriza educação para os sentidos como um recurso pedagógico para todas as crianças e principalmente para o estimulo na inclusão de crianças com deficiências.

Tempo de Creche – O que se deve proporcionar para uma criança que está começando a descobrir a vida?

 Amanda – O que eu tenho visto hoje em dia, cada vez mais, é a virtualização do nosso ambiente, a virtualização da nossa vida e da nossa comunicação. Claro que eu não estou criticando e não sou contra este tipo de tecnologia. Ela é muito importante. Ela é fascinante e este processo não tem retorno. Continue lendo..

Postado em Palavra da prática, Postura do Professor | Tags , , , , , | Clique para deixar um comentário!

Por que Heloísa? ensina-nos a repensar o conceito de deficiência

Cristiana Soares, mãe e autora de Por que Heloísa? conversou com a equipe do Tempo de Creche. Cristiana nos conta na sua forma objetiva e direta por que não ter medo de ter um aluno com deficiência em sala de aula.

Por que Heloisa

 

Tempo de Creche – Muitos professores têm receio em ter um aluno com deficiência em sala de aula, como você vê esta situação?

Cristiana – Acho que o principal é dizer a eles que, como qualquer outra, uma criança com deficiência é ÚNICA. Mesmo se compararmos duas com o mesmo tipo de deficiência. Cada uma tem uma história individualizada.

Portanto, a primeira coisa a se fazer é conhecer a criança. E isso só pode acontecer no dia a dia. Com calma, procurando ter a mente aberta e procurar ver a criança antes da deficiência dela. Continue lendo..

Postado em Palavra da prática, Postura do Professor | Tags , , , | Clique para deixar um comentário!

Repetir propostas para crianças. Será?

atividades para repetir

Educadores de educação infantil geralmente sofrem da ansiedade de buscar rotineiramente atividades diversificadas. E não se trata de buscar a ampliação das pesquisas que as crianças fazem. Trata-se de inovar os formatos das propostas para buscar novos processos e resultados.

Realmente, as surpresas movem as crianças porque intrigam, despertam o interesse e as descobertas. Mas, para movê-las nesse sentido, não é necessário inventar novidades a todo o momento.

Balão Dúvida pPor quê? Continue lendo..

Postado em Postura do Professor | Tags , , , | Clique para deixar um comentário!

Primeiro dia na creche: um olhar novo de tudo

Anelise Csapo, supervisora do Núcleo Educativo da Casa das Rosas – Espaço Haroldo de Campos de Literatura e Poesia, em sua fala no I Seminário Bebês no Museu* relatou o programa Faz do colo uma casa*1, que consiste em  visitar à Casa das Rosas com bebê no colo, com intuito de explorar o espaço da casa, seja para um familiar ou cuidador de criança até um ano de idade.

Seminário Bebês no MuseuTempo de Creche encontrou nessa proposta uma possibilidade de aplicação nas creches e pré-escolas. Vamos entender o porquê numa conversa com a Anelise:  Continue lendo..

Postado em Postura do Professor | Tags , , , , | Clique para deixar um comentário!

Planejamento da Educação Infantil: 10 reflexões para as creches

Planejamento da Educação Infantil reunião e momentos

É hora de aproveitar para refletir!

As reuniões pedagógicas para elaboração do planejamento da Educação Infantil de 2015 podem incluir uma reflexão sobre as crenças da creche, partilhar e ratificar com todos da equipe os princípios repensados e assumidos pela instituição. Continue lendo..

Postado em Postura do Professor | Tags , , , | 15 Comentários

Bebês aprendem muito. Desde cedo!

figura reportagem leitura para bebes

Duas reportagens publicadas neste mês trazem os mais recentes estudos sobre a incrível capacidade de bebês aprenderem na mais tenra idade. Desde o nascimento existem formas de agir, se relacionar e estimular o bebê para corresponder à admirável, e até recentemente ignorada, potencialidade do seu cérebro. Continue lendo..

Postado em Postura do Professor | Tags , , , , , | 5 Comentários

Preparar atividades: o desafio de planejar o imprevisível

Com um universo de possibilidades, de sujeitos diferentes e de propostas e brincadeiras que não se sabe aonde vão nos levar, que são imprevisíveis, como se preparar para organizar as atividades na Educação Infantil?

O que pensar, o que escolher, como é o desafio de planejar o imprevisível?

Planejar o imprevisto - Figura Circulo Virtuoso do Educador

balão laranja

Tudo começa com o ciclo virtuoso das ações do educador. Para planejar projetos de pesquisa que ampliem as experiências da infância e favoreçam as aprendizagens, o educador deve observar e ouvir sua turma e o que brota nos momentos da Rotina: os interesses, as demandas, as descobertas, os assuntos que estão bombando entre as crianças. Continue lendo..

Postado em Postura do Professor | Tags , , , , , | 6 Comentários