Experiências num Tanque de Lama

Ontem choveu e o jardim virou uma lama só. É tempo de repensar a proposta? Não! É tempo de aprender sobre a natureza e tudo o que ela traz. Então… para hoje a proposta é brincar no tanque de lama!

tanque de lamaO barro, ou a terra argilosa e molhada, é um dos quatro elementos naturais desafiadores e magnéticos para as crianças. A cor, a temperatura e a textura combina com a natureza orgânica das crianças. Por isso, a Escola do Bairro, da educadora Gisela Wajskop, localizada num histórico e tradicional bairro da cidade de São Paulo, reservou um espaço do seu jardim – de brincadeiras e pesquisas – para um tanque de lama. Isso mesmo! Além do clássico e sempre pertinente tanque de areia, a escola oferece uma área com terra argilosa para que, quando molhada, as crianças possam explorar. As experiências são tão intensas que às vezes não se espera a chuva e a terra é molhada com a mangueira.

brincadeiras no tanque de lama 2

Na Casa Redonda, Peo (Maria Ameia Pinho Pereira) diz que do contato com o elemento terra nascem misturas com água que fazem surgir a lama, cuja textura gelatinosa causa repulsa para alguns num primeiro instante. Mas, para outros a lama é um fator disparador de experiências corporais.

Passar a terra molhada sobre a pele, sentir o frio inicial e perceber quando ela vai ressecando com o calor do corpo; olhar a cor transformar a própria aparência, criando uma nova roupagem é magia que toca a alma.

criança brincado na poçaA pediatra e alergista Fátima Rodrigues Fernandes, do Hospital Infantil Sabará, em São Paulo, afirma que o contato com alguns micro-organismos, como aqueles presentes na terra, é importante porque condiciona o sistema imunológico, ainda em fase de desenvolvimento, a funcionar corretamente.

Como vamos entender uma mesa de madeira se não conhecemos a árvore? Como podemos compreender os tijolos das nossas casas sem conhecer o barro? Gisela lembra que água e terra representam elementos essenciais e o contato com as origens.

Para Peo, é no corpo e através do corpo, em contato direto com a pele, a superfície que delimita a relação do corpo com o mundo externo, que a criança experimenta sensações que vão dando o contorno de sua individualidade construindo e estruturando conhecimentos corporais e psíquicos significativos.

brincadeiras no tanque de lama

Aproveitar as manhãs quentes de verão para ficar com pouca roupa, o corpo exposto ao sol e aos estímulos da terra e da água é uma proposta potente. Na Escola do Bairro, Gisela colocou um grande chuveiro perto do tanque de lama, o que amplia a brincadeira e ajuda na limpeza das crianças.

brincadeira no chuveiro

Para diversas culturas a terra é um dos elementos que constitui a humanidade. É dela que plantas e animais se alimentam. A terra é a grande mãe que contém nossas raízes.  Ao experimentar a terra e todos os seus habitantes com intimidade, a criança cria conexões com a natureza e se percebe como parte de um universo maior e interconectado.

♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦♦

→ Bibliografia
• Maria Amelia Pinho Pereira, Casa Redonda: uma experiência em educação. Editora Livre, 2013
• Brincar com a terra faz bem Portal Vital

→ Para saber mais…
Leia sobre criança e natureza nas postagens:
Palavra de… Richard Louv: natureza para educar e viver!
O que dizer sobre o “Projeto Natureza?
Renata Meirelles fala sobre tanque de areia e o tempo do brincar

Postado em Criança e Natureza, Tempo, Espaço e Materiais e tags , , , , . Marcado com permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *